Blog

Zé Ricardo vive drama para montar time para domingo

Zé Ricardo possui cerca de dez desfalques para a partida contra o Bahia, no próximo domingo (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

Com quase um time inteiro de desfalques, o técnico do Vasco, Zé Ricardo, está vivendo um verdadeiro drama para conseguir montar um time para o duelo deste domingo, às 16h (de Brasília), contra o Bahia, na Arena Fonte Nova, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador reconheceu que a situação o impede até mesmo de antecipar os planos em termos de escalação.

“Não posso antecipar o time porque realmente eu não sei ainda. Não gosto muito de ficar reclamando de desfalques. Prefiro sempre falar de quem está à disposição. Porém, quando começamos a falar em cerca de doze desfalques, percebemos que realmente existe uma situação de dificuldade”, disse o treinador em entrevista coletiva concedida logo depois do treino desta manhã de sexta-feira.

Para este jogo, Zé Ricardo não vai poder contar com o goleiro Martín Silva, servindo à seleção do Uruguai, que se prepara para a disputa da Copa do Mundo da Rússia; com o goleiro Gabriel Félix, com o zagueiro Paulão e com os volantes Evander e Wellington, todos afastados pela diretoria por conta do episódio de postagens em redes sociais provocando torcedores; com o atacante argentino Andrés Ríos, suspenso por acúmulo de cartões amarelos, além do zagueiro Breno e do atacante colombiano Duvier Riascos, que cumprem suspensão por terem sido expulsos no empate por 1 a 1 contra o Flamengo, no fim de semana passado.

Com dores na coxa esquerda, o meia Thiago Galhardo foi vetado na manhã desta sexta-feira, aumentando a relação de problemas do comandante vascaíno, isso sem falar em Rildo, outro no departamento médico e com volta prevista para o segundo semestre. “Infelizmente não poderemos contar com ele, pois ainda sente dores. O Galhardo é um jogador importante e temos que preservá-lo. Não podemos correr o risco de perdê-lo por mais tempo”, avisou Zé Ricardo.

Diante das dificuldades, o treinador promoveu o meia Matheus Moresche, de 19 anos, e o atacante Hugo Borges, de 20 anos, que estavam nas categorias de base. Eles serão relacionados para o confronto. O elenco do Vasco volta a treinar na manhã deste sábado, em São Januário, e depois a delegação viaja para Salvador, palco do duelo contra os baianos.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo