Blog

Vasco volta a vencer o Concepción e avança para terceira fase da Pré-Libertadores O Dia



Pikachu e Paulinho fizeram os gols do Vasco – AFP PHOTO / MAURO PIMENTEL

Rio – O Vasco está na terceira fase da Pré-Libertadores. A equipe carioca entrou em campo com uma vantagem bastante confortável, mas isso não impediu uma nova vitória contra a Universidad Concepción. Em São Januário, o Cruzmaltino derrotou os chilenos por 2 a 0 e confirmou a sua classificação.

Os dois gols dos cariocas foram feitos no primeiro tempo. Paulinho abriu o placar e se tornou o jogador mais jovem da história do Vasco a marcar em uma Libertadores. E Yago Pikachu fez o segundo e deu números finais para a equipe de São Januário na partida. 

Na próxima fase, o Gigante irá enfrentar o vencedor do confronto boliviano entre Oriente Petrolero e Jorge Wilstermann. No jogo de ida, a equipe de Cochabamba venceu o rival fora de casa por 2 a 1.

Galeria de Fotos



O JOGO

O Vasco começou com tudo. Mesmo com a vantagem construída no Chile, a equipe carioca foi para cima e abriu o placar logo com cinco minutos. Wagner recebeu pela esquerda e cruzou na medida para Paulinho tocar para o fundo das redes e abrir o placar para os donos da casa.

Com um placar adverso enorme, o Concepción seguiu lutando e teve uma boa chance aos 16 minutos. Morales arriscou de fora da área, Martín Silva deu rebote e Santiago Silva apareceu para finalizar, novamente o goleiro uruguaio apareceu para defender, mas o segundo lance foi invalidado por impedimento.

Logo depois, o Vasco veio e chegou com bastante perigo. Paulinho recebeu passe, se livrou da marcação, mas na hora de finalizar acabou não pegando na bola com firmeza e acabou facilitando o trabalho do goleiro Muñoz.

O confronto seguia equilibrado. Aos 26 minutos, os chilenos voltaram a ameaçar. Martín Silva saiu jogando errado, Droguett roubou a bola e tocou para Santiago Silva, mas o atacante chutou em cima do uruguaio que se recuperou bem.

No entanto, se a equipe chilena não aproveitava as falhas do Vasco, o mesmo não acontecia com a equipe carioca. Aos 41 minutos, Paulinho levantou bola na área, a zaga do Concepción parou e Yago Pikachu apareceu livre para cabecear e ampliar a já folgada vantagem do Cruzmaltino. 

O segundo tempo começou ruim para o Vasco. Com apenas dois minutos, Erazo deu uma cotovelada em Pacheco, após cobrança de falta do time chileno e deixou o Cruzmaltino com um jogador a menos na Colina. Porém, a vantagem numérica do Concepción não durou muito tempo. Aos 16 minutos, De la Fuente fez falta forte em Wagner e acabou sendo expulso também.

Com dez para cada lado, o Vasco voltou a chegar com perigo e quase ampliou aos 22 minutos. Wagner tocou para Ríos que foi no fundo e cruzou, Paulinho apareceu, mas a defesa do time chileno conseguiu evitar a finalização do atacante vascaíno.

A equipe carioca teve mais chances de fazer outros gols. Porém, faltou um pouco de capricho, principalmente de Riascos, que teve as melhores oportunidades. Só que a vitória e a classificação já estavam garantidas e só foram confirmadas com o apito final.

FICHA TÉCNICA

VASCO 2 X 0 UNIVERSIDAD DE CONCEPCIÓN

Local: São Januário (RJ)
Hora: 21h45 (horário de Brasília)
Árbitro: José Angote (VEN)
Auxiliares: Carlos Lopez (VEN) e Luis Murillo (VEN)
Cartões amarelo: Mencia (UCO)
Gols: Paulinho, aos 5min, e Yago Pikachu, aos 41min do primeiro tempo;

Vasco: Martín Silva, Yago Pikachu, Erazo, Ricardo e Henrique; Desábato, Wellington, Wagner, Evander e Paulinho; Andrés Rios / Técnico: Zé Ricardo

Universidad de Concepción: Muñoz, Pacheco, Muñoz, Mencia e De La Fuente; Camargo, Meneses, Droguett e Pedro Morales; Joathan Benitez e Santiago Silva / Técnico: Francisco Bozán

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo