Blog

Vasco se precavê nos bastidores e define “plano B” para zaga em caso de fracasso com Dedé

​O ​Vasco já mostrou o desejo de renovar o contrato com o zagueiro Oswaldo Henríquez para a temporada de 2020. Porém as negociações esbarram em questões financeiras. O atleta, que tinha contrato até dezembro do ano passado, continua aguardando o Gigante da Colina cumprir a promessa de quitar as pendências salariais para só depois concluir as conversas.

Ainda há uma esperança no final do túnel. De acordo com o jornalista ​Lucas Pedrosa, da Band, o zagueiro ainda tem chances de seguir no clube em 2020, caso o Vasco não consiga acertar as tratativas com Dedé, do Cruzeiro, e também regularize as dívidas com o colombiano. O staff do jogador confirmou as informações e informou que aguarda uma nova proposta.

O zagueiro iniciou sua carreira nas categorias de base do Milionarios, da Colômbia, também com passagens pelo Querétano, do México, Chiapas e Sport. Desde 2018 no Cruz-maltino, o jogador entrou em campo 40 vezes e marcou apenas 1 gol. Atualmente, Henríquez é avaliado no mercado em 900 mil euros, cerca de R$ 4 milhões.

A situação do atleta, de 30 anos, é muito parecida com a de Fredy Guarín. O Vasco também tenta negociar a renovação contratual, mas antes precisa arcar com os salários atrasados. Sem contrato, o volante segue livre no mercado. O Gigante da Colina mantém o contato com empresário do jogador, porém até o momento não houve avanços significativos entre as partes.

Todos os Créditos

Compartilhar ...Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *