Blog

Vasco encara dupla missão no Pacaembu O Dia

São Paulo – O peso da conquista da primeira vitória com a camisa do Vasco não aliviou o nervosismo ou a pressão do próximo desafio de Leandro Castan no confronto com o Santos, hoje, às 20h, no Pacaembu. Com 80 gols sofridos em 54 jogos no ano, a defesa cruzmaltina, a quarta pior do Brasileiro (37 gols em 25 rodadas), terá uma dupla missão: parar o artilheiro da competição, Gabigol, que já balançou as redes 13 vezes, e ajudar a equipe a quebrar o jejum de vitórias na condição de visitante.

“Não estou muito mais tranquilo. Queria a vitória. Mas ainda estou um pouco nervoso. Não vou repetir aquilo (quando disse que estava p… com o jejum de vitórias no Vasco). Mas estamos levando gol e acho que temos de passar segurança aos atacantes sem levar gol”, avaliou Leandro Castan.

Dos 13 gols de Gabriel Barbosa no Brasileiro, três foram marcados na vitória de 3 a 0 do Peixe, no Maracanã, no início do mês. No jogo adiado pela terceira rodada, o técnico Alberto Valentim tem lições para tirar do último embate, mas o trabalho de melhorar os números ainda é um desafio.

FOCO NA DEFESA

Dos 54 jogos que disputou em 2018, a defesa do Vasco não foi ‘vazada’ apenas 12 vezes: em oito vitórias e quatro empates. Na luta contra o rebaixamento à Série B, o time respirou aliviado com o triunfo de 2 a 1 sobre o Bahia, subiu para o 16º lugar, com 28 pontos, mas um novo tropeço pode voltar a assombrar a equipe.

“Sei que vai ser difícil. O Santos tem muita qualidade, é jovem, rápido, mas confio nos meus companheiros e sei que podemos fazer uma boa partida”, disse Castan.

Na Itália, onde defendeu Roma, Sampdoria, Torino e Cagliari, o zagueiro não enfrentou Gabigol, que teve poucas chances na Inter de Milão, mas não teme o embate. “É um grande jogador. Só não vou falar como vou marcá-lo”, afirmou Castan.

Com as perda recente de Werley, Bruno Silva, Desbato e Lenon, todos machucados, alm de Maxi Lpez, suspenso, o tcnico Alberto Valentim fechou o treino de ontem, no CT do Almirante, em Vargem Pequena. Apesar do mistrio, a tendncia adotar uma postura mais defensiva contra o Santos.

Willian Maranho, Andrey, Bruno Cosendey e Fabrcio devem formar o meio de campo. Pikachu deve ser o jogador mais adiantado ao lado de Andrs Ros, que assume a funo de Maxi no ataque. Com o desconforto muscular de Lenon, Rafael Galhardo o mais cotado para iniciar o jogo na lateral direita, mas Pikachu tambm foi testado.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo