Blog

Vasco deixa Arena Corinthians revoltado com a arbitragem

O Vasco amargou uma derrota por 1 a 0 diante do Corinthians na noite deste sábado, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida na Arena Corinthians, considerada crucial para ambas as equipes na luta contra o rebaixamento, foi repleta de polêmicas envolvendo a arbitragem.

O Corinthians dominou o primeiro tempo, e chegou ao gol no início do segundo. Em desvantagem, o Vasco partiu para cima e pressionou até o final pelo empate. Teve o técnico Alberto Valentim expulso por reclamação e um pênalti não marcado no final. Aos 49, uma bola no travessão quase deixou tudo igual, e depois, do apito final, rolou um entrevero envolvendo o lateral corintiano Fagner e o atacante vascaíno Kelvin.

Alexandre Faria não poupou críticas à arbitragem e ao Corinthians (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Em entrevista coletiva após o confronto, o diretor de futebol do vasco, Alexandre Faria, não poupou a atuação do árbitro.

“O que esse árbitro fez aqui é uma piada. Ele pipocou, para ser leve. Não deu o pênalti. Contra o Grêmio, sete minutos de acréscimos. Contra o Atlético-PR, levamos um gol aos 50 minutos e não tinha a menor necessidade de 5 minutos de acréscimos. Aí, aos 49 do primeiro tempo, o meu treinador reclama com a defesa, porque era um lance morto, o árbitro expulsa o nosso treinador. Porque o nosso treinador reclamou com o nosso jogador,” afirmou o dirigente.

“Repito, um pênalti em que num outro jogo, com outras duas equipes atuando, ele deu – disse Alexandre Faria, falando do jogo entre Atlético-MG e Palmeiras,” continuou.

Alexandre Faria também reclamou do Corinthians, e acusou o clube paulista de molhar excessivamente um lado do gramado para prejudicar a saída de bola de sua equipe.

“Todo mundo sabe que o Vasco prioriza sair jogando. Vimos hoje que molharam o campo mais de um lado que no outro. O Vasco teve essa dificuldade de sair jogando justamente nesse lado,” reclamou.

Sobre a atuação do time, por outro lado, o dirigente foi só elogios.

Veja também: Vital explica comemoração e corintianos evitam fazer contas

“Achei que o Vasco amassou o Corinthians, fez uma partida tecnicamente muito boa, intensa, com qualidade, teve inúmeras chances de gol,” concluiu.

A derrota manteve o Vasco com 39 pontos, na 14ª colocação. Sport, Ceará e Chapecoense ainda jogam na rodada e ameaçam a posição da equipe na tabela.

Na próxima quinta-feira, o Vasco encara o São Paulo, em São Januário. Nas últimas duas rodadas, terá pela frente o Palmeiras, no Rio, e o Ceará, em Fortaleza.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo