Blog

‘Torcedor vaiou até pouco’, admite Valentim sobre derrota do Vasco no Maracanã O Dia

Rio – O torcedor vascaíno viveu uma noite para esquecer neste sábado. Em partida que marcava o reencontro da torcida com o time no Maracanã, a equipe foi facilmente goleada pelo Santos por 3 a 0. Em seu segundo jogo no comando do Vasco, o técnico Alberto Valentim pediu desculpas aos torcedores e afirma que o grupo terá de “trabalhar muito”.

“O torcedor vaiou até pouco. Ele tentou motivar o time, incentivar. Quando espera empate, toma o segundo, depois o terceiro, é inevitável que o torcedor vaie e critique o time (…) Eu, como comandante, peço desculpa também. A melhor forma de corrigirmos isso aí é fazer com que as desculpas sejam transformadas em muito trabalho. Todos, incluindo a comissão, vão ter que trabalhar dobrado”, disse o treinador.

Ao ser questionado o que teria dado errado ao time, o comandante afirmou que o foi trabalhado durante a semana não foi apresentado em campo.

“Taticamente aquilo que programamos, não fizemos. A gente tem uma altura de marcção, e com quatro minutos não obedecer essa altura, não pode. Falei para os atletas. Tenho como conceito de jogo. Nosso time tinha que ter feito pressão mais forte”, afirmou Valentim.

O técnico também que não acredita que o fator “Maracanã” tenha influenciado no jogo, e pede mais jogos no estádio.

“Se pudermos jogar aqui, aqui cabe mais torcedores do Vasco. Precisamos trazer mais torcedor com a gente. É uma coisa da diretoria, mas prefiro jogar onde cabe mais torcedor do Vasco”.

Com a derrota, o Vasco estacionou nos 24 pontos e ocupa momentaneamente a 16ª posição, a três pontos da zona de rebaixamento. O Cruzmaltino volta a campo na próxima quina-feira, quando enfrenta o América-MG, em Belo Horizonte, às 20h.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo