Blog

Sonho ou realidade? Vice do Flamengo dá declaração sobre Neymar que vai animar os torcedores

Além de negociar jovens jogadores e promessas com o futebol do exterior, os principais clubes brasileiros, com poder de investimento crescente nos últimos anos, não têm economizado para reforçar seus elencos. Equipes como Palmeiras e ​Flamengo tem dois dos considerados melhores elencos do país e isto se deve à saúde financeira de ambos. E para aqueles que não imaginam grandes craques do futebol mundial atuando no Brasil, o vice de finanças do Rubro-Negro, Wallim Vasconcellos, deu uma declaração que vai animar os torcedores.

​Em entrevista ao Globoesporte.com, o dirigente destacou as finanças do clube. Depois de investimentos altos na temporada, o Fla não terá problemas de realizar novos gastos. “Hoje a gente arruma o dinheiro que precisar. Não o que quiser, mas o necessário para montar um time top de linha nós arrumamos. O Flamengo tem crédito na praça”, disse. “Temos cumprido tudo nos últimos seis anos. Não teve um compromisso que não foi cumprido e não terá compromisso que não será cumprido”, adicionou Wallim.

Nos últimos dias, circulou na mídia nacional e internacional – ​como no jornal A Bola de Portugal – a informação de que Neymar teria interesse em jogar no Flamengo. O VP de finanças foi questionado sobre qual jogador gostaria de ver no clube e não titubeou. “Um dia vamos chegar ao patamar de trazer o Neymar. Até a Copa de 2022. Se ele não vier antes, na Copa de 2022 vou fazer questão de que ele venha jogar aqui (…) Falar para ele: “Neymar, já deu na Europa. Já ganhou muito dinheiro. Vem para o Flamengo ser feliz no Brasil (risos)”. Se eu fosse ele vinha agora, depois da Copa América”, comentou.

Os bons resultados econômicos do Flamengo também se devem a saídas de jovens promessas nos últimos anos. O clube reforçou os cofres com as negociações de revelações como Vinícius Júnior, Lucas Paquetá, Felipe Vizeu e Jorge. Atualmente, o jovem Reinier, que vem brilhando com a camisa da Seleção Brasileira na base, e o volante Cuéllar, convocado para a Copa América, estão na mira de outras equipes. A diretoria não tem pressa em realizar novas vendas, mas não descarta avaliar altas propostas.

“Mais do que o dinheiro, pesa o interesse do jogador. Nesse caso, paga a multa ou apresenta uma boa proposta. Se chegar no jogador e apresentar € 10 milhões não nos interessa. Não vou vender um cara diferenciado por esse valor, eu não preciso desse dinheiro. Agora se chegarem com € 30 milhões ou € 40 milhões (de euros), podemos sentar e avaliar. Essa é uma decisão do departamento de futebol. Se chegarem: “Olha, não queremos vender esse jogador, vamos valorizá-lo”. Sentamos e fazemos junto com o departamento de marketing um projeto para ele”, completou Wallim.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo