Blog

Pressionado, Valentim deverá mexer no Vasco e manter ídolo no banco

Como se diz no futebol,​ o Vasco conseguiu na bacia das almas sua classificação para as semifinais da Taça Rio, que veio graças a vitória do Boavista sobre o Volta Redonda, por 4 a 2. A derrota no sábado (23), em casa, para o Bangu, e que quase custou a vaga, aumentou a pressão sobre o técnico Alberto Valentim, que para não correr novo risco contra o mesmo Bangu, na quinta-feira (28), deverá fazer mudanças no time titular.

Um dos setores que Valentim mexerá será no ataque, efetivando Tiago Reis, que fez dois gols nos últimos dois jogos, como titular. Com isso, Maxi López seguirá sendo opção no banco de reservas. O argentino jogou oito partidas pelo Vasco na temporada, tendo marcado apenas dois gols, ambos de pênalti.

Outra mudança deverá ser no meio de campo com o retorno de Yago Pikachu, que ficou fora do duelo do final de semana por conta de uma pancada sofrida na cabeça no treino de sexta-feira (23). O jogador poderá atuar como segundo volante ou entrar na vaga de Bruno César, bastante criticado na derrota de sábado (24).

Outro que também foi mal no final de semana e pode perder seu lugar no time titular é Rossi. Em seu lugar pode entrar Thiago Galhardo. Por enquanto o único setor que Valentim não deverá mexer é na defesa, mantendo Werley e Leandro Castán na dupla de zaga e Cáceres e Danilo Barcelos na lateral.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo