Blog

Neymar comemora 10 anos de carreira com lembrança e recado ‘ousado’; veja

No dia 7 de março de 2009, com apenas 17 anos de idade, o garoto ​Neymar fazia sua estreia profissional com a camisa do Santos, clube que o revelou para o futebol. Aos 14′ do segundo tempo da partida contra o Oeste, pelo Campeonato Paulista, o franzino atacante adentrava o gramado do Pacaembu substituindo o veterano Molina. Em seu primeiro toque na bola, uma finalização que ‘beijou’ a trave, indicativo de que o futuro seria bastante promissor.

Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

​​Gênio incompreendido para muitos, potencial ‘desperdiçado’ na perspectiva de outros, Neymar passa longe de ser unanimidade no mundo da bola. Mas isso parece não incomodar o camisa 10, orgulhoso de sua trajetória e dos caminhos que percorreu até aqui. Em suas redes sociais oficiais, o craque brasileiro relembrou sua estreia naquele 7 de março, celebrou os erros e acertos que cometeu nessa década de carreira e festejou seu estilo de jogo e suas particularidades. Confira um trecho da publicação:

Como destaca o ​UOL Esportes, o camisa 10 fez questão de finalizar a publicação com uma marca que lhe é característica: Deus, obrigado pelo dom que me destes e pela alegria que eu sinto em jogar futebol… Amo esse objeto que se chama “bola” de uma forma inexplicável. Se passaram 10 anos e mesmo assim continuo sonhando e farei o possível e até as vezes o impossível para realizá-los. Ousadia é meu sobrenome. Shhh”, concluiu.

Entre Santos, Barcelona, Paris Saint-Germain e Seleção Brasileira, o atacante de 27 anos já se aproxima dos 600 jogos como jogador profissional, com aproximadamente 350 gols anotados. O camisa 10 já é o quarto maior artilheiro da Canarinho com 60 bolas na rede, atrás apenas de Zico, Ronaldo e Pelé.

TOPSHOT-FBL-WC-2018-MATCH58-BRA-BEL

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo