Blog

Luxa não se convence e medalhão do Vasco deve ser “moeda de troca” para reforços em 2020

​Querendo a permanência do técnico Vanderlei Luxemburgo em 2020, o ​Vasco traça planos para a próxima temporada e reforços já são analisados pela diretoria. Jogadores que não corresponderam até aqui, já começam a ser sondados por outras equipes e o Vascão não deve dificultar as negociações.

Destaques do clube também já são observados por grandes times, principalmente os europeus. Os atacantes Thalles Magno e Marrony, são dois que estão na mira da Europa para a próxima temporada. Thalles já desperta o interesse do Real Madrid, enquanto que Marrony é observado pelo Monaco, da França.

Querendo segurar destaques, o Vasco também quer facilitar saídas de atletas com altos salários e que não estão bem, um dos que não devem ficar é o meia-atacante Bruno César. De acordo com o ​site UOL Esporte, a diretoria do Cruz-maltino deve usar o meia como moeda de troca no próximo ano.

Bruno é reserva no time de Luxemburgo e é bastante criticado pelos torcedores. Seu contrato com a equipe carioca vai até dezembro de 2020. Em 29 partidas até aqui com a camisa do Vasco, o ex-Sporting marcou quatro gols. De acordo o site transfermarkt, ele está avaliado em pouco mais 2 milhões de euros, cerca R$ 9,2 milhões. 

Todos os Créditos


Compartilhar ...Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo