Blog

Jogadores justificam derrota com desgaste por seqüência de jogos

Tido como uma das esperanças do Vasco, Thiago Galhardo não conseguiu fazer a diferença nesta quarta (Foto: RODRIGO BUENDIA/AFP)

O Vasco perdeu por 3 a 1 para a LDU-EQU, nesta quarta-feira, em Quito, pela Sul-Americana. Os cruzmaltinos sofreram com as bolas aéreas, mas após o jogo o principal “culpado” apontado pelos jogadores pelo resultado foi o desgaste pela sequência de jogos.

O meia Thiago Galhardo admitiu que a viagem até a capital equatoriana, aliada a altitude, foi sentida pelos jogadores em campo. No entanto, o jogador mostrou confiança para a classificação para as oitavas de final da Sul-Americana.

“São quatro jogos em dez dias, é uma viagem muito desgastante. A diretoria e comissão técnica fizeram de tudo para ajudar. A bola mais rápida, é algo de diferente. Não podemos colocar a culpa na altitude. O desgaste foi grande. Fizemos um bom jogo. Acredito que vamos levar o confronto para o nosso caldeirão. Junto com nossa torcida, como foi contra o Bahia. Tenho certeza que vamos reverter esse resultado em casa”, disse.

O volante Andrey destacou que sentiu muito os efeitos da altitude, mas também citou o desgaste, principalmente no fim de semana, contra o Grêmio, quando o Vasco atuou por grande dos 90 minutos com um jogador a menos.

“Tivemos muita dificuldade para respirar. Nos sentimos mais lentos. Viemos de uma partida muito desgastante contra o Grêmio. A LDU tirou vantagem disso tudo. Acho que fizemos um bom jogo. Dentro de São Januário tenho certeza de que podemos inverter o placar”, declarou.

Por conta do gol marcado fora de casa, o Vasco vai precisar vencer por 2 a 0 para se classificar na competição. O confronto de volta contra a LDU será no dia 9 de agosto, no Rio de Janeiro.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo