Blog

Grêmio vive noite decisiva e quer evitar mesma frustração de oito anos atrás

O ano era 2011, e Renato Portaluppi estava em meio à sua primeira passagem como técnico do ​Grêmio. Depois de reverter uma expectativa na temporada anterior e levar o clube à Libertadores da América, se viu enfrentando a Universidad Católica, do Chile, nas oitavas de final. Depois de perder por 2 a 1 no Olímpico, com dois gols do então desconhecido centroavante Lucas Pratto, o Tricolor foi a Santiago precisando de um resultado quase que milagroso para avançar. Não deu. Uma nova derrota, por 1 a 0, levou o comandante à sua talvez maior frustração no comando do time do coração. E é justamente isso que ele não quer que se repita nesta quinta-feira.

De torcedor para torcedor: clique aqui e siga o 90min no Instagram!

A partir das 19h, contra o mesmo adversário, o Grêmio praticamente decide seu futuro no torneio continental de 2019. Após conquistar apenas um ponto nas duas primeiras rodadas do Grupo H, o time, que entrará em campo como lanterna da chave, não pode nem pensar em deixar o estádio San Carlos de Apoquindo com um novo revés. O ideal seria conquistar os três pontos para trazer para Porto Alegre a chance de garantir a vaga às oitavas de final em duas partidas que ainda disputará como mandante – diante do Rosario Central-ARG, na próxima quarta-feira, e da própria Católica, no dia 8 de maio.

O treinador tem o chamado time ideal à disposição, uma vez que a volta do zagueiro Pedro Geromel está confirmada. No entanto, uma grande dúvida ainda precisa ser desfeita, uma vez que quatro nomes podem atuar pelo lado direito do meio-campo – Marinho, Montoya, Thaciano e Alisson. Também não se pode descartar a presença de Matheus Henrique na vaga de Michel.

Universidad Católica: Dituro; Rebolledo, Kuscevic, Huerta e Cornejo; Fuentes, Aued, Fuenzalida, Pinares e Puch; Sáez. Técnico: Gustavo Quinteros.

Grêmio: Paulo Victor; Leonardo Gomes, Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Michel (Matheus Henrique), Maicon, Marinho (Alisson, Montoya e Thaciano), Luan e Everton; André. Técnico: Renato Portaluppi.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo