Blog

Escolha 100%! Quando um campeão como Zidane volta à ativa, é preciso louvar

Atual tricampeão da Liga dos Campeões da Europa, Zinedine Zidane surpreendeu a muitos ao optar por deixar o Real Madrid ao término da última temporada no Velho Continente. Pois ​agora que ele está voltando, é preciso louvar.

De torcedor para torcedor: clique aqui e siga o 90min no Instagram!

Em sua curta carreira como treinador, já se mostra um multicampeão, capaz de unir um plantel em torno de suas ideias e fazer a equipe jogar com naturalidade. Se havia quem desconfiasse de sua capacidade, os anos à frente do time merengue serviram para apagar qualquer dúvida.

​Zidane tem, acima de tudo, uma personalidade muito forte. Não leva cara feira para casa e, ao dizer que gostaria de voltar ao Real mediante uma reformulação no plantel, tem a clara noção de que um ciclo se fechou e é preciso recomeçar. Não digo que se parta do zero, mas que se abra mão de atletas que já deram o que tinham que dar e que se busque a formação de um elenco tão vencedor quanto o atual foi.

FBL-EUR-C1-LIVERPOOL-REAL MADRID

Depois da saída de Cristiano Ronaldo, se pensou que o poderoso clube se manteria em alto patamar. Só que era natural que isso não acontecesse. E o antigo técnico, lá atrás, foi o primeiro (e talvez único) a notar tal perspectiva de queda. Zizou sabe das coisas. É um vencedor de carteiritnha, tem o apreço dos atletas e, mesmo que pouco tempo depois da sua saída, a escolha sobre seu nome é para lá de acertada. Não valeria apostar, por exemplo, em José Mourinho. Afinal, o francês que está retornando ao Santiago Bernabéu parece muito mais adequado à realidade do que o português que, outrora, já esteve também no topo.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo