Blog

Corinthians empata com o Vasco e não engrena no Brasileirão

Desfalques, o calor de Manaus, falta de entrosamento… O Corinthians tem argumentos de sobra para se defender, mas a verdade é que mais uma vez a equipe esteve longe de apresentar um grande futebol. Na noite desse sábado, atuando como visitante na Arena da Amazônia, o Timão arrancou um empate por 1 a 1 com o Vasco graças a um golaço de Mateus Vital em jogada puramente individual pela ponta esquerda. Ainda no primeiro tempo, o VAR entrou em ação para o árbitro enxergar pênalti de Carlos em Rossi. Maxi Lopez não perdoou.

Os cariocas alcançaram o primeiro ponto depois de três rodadas no Campeonato Brasileiro, enquanto os corintianos chegaram a quatro pontos, temporariamente na quinta colocação na tabela de classificação.

O Corinthians teve mais posse de bola no segundo tempo, mas não assustou Sidão (Foto: Sandro Pereira/Código19)

Marcos Valadares resolveu fazer cinco mudanças no time do Vasco em busca de uma reação da equipe vascaína. Já Carille deixou seis titulares em São Paulo e apostou em um time bastante modificado para o duelo no norte do país.

Nesse cenário o que se viu no primeiro tempo foi um Vasco com muito mais apetite pela vitória. É bem verdade que os cariocas foram para cima na base da velocidade e da vontade, nem tanto pela técnica. De qualquer forma, colocaram os paulistas em dificuldade.

A bola chegava à área de Cássio, principalmente por meio de cruzamentos perigosos e deixava os corintianos aflitos. A salvação do Corinthians se deu pelo talento individual de Mateus Vital.

A cria vascaína, que já fora fatal no duelo pelo Brasileirão do ano passado, voltou a brilhar justamente contra seu ex-time. Em linda jogada individual pela ponta esquerda, o camisa 22 entrou na área, se manteve em pé e bateu sem chances para Sidão, que fazia nesse sábado sua estreia no gol vascaíno.

O gol, porém, refletiu em um recuo ainda mais acentuado dos corintianos. O castigo pela postura nada ousada aconteceu aos 35. Carlos atropelou Rossi dentro da área Rodrigo D’alonso Ferreira precisou de três minutos no vídeo para mudar de ideia e assinalar o pênalti. Na cobrança, Maxi López não deu a mínima chance para Cássio.

O panorama se manteve para a etapa final. Carille, então, colocou Clayson, Ramiro e Pedrinho nas vagas de André Luis, Richard e Vital. As trocas “seis por meia dúzia” não mudaram a postura da equipe em campo. Apenas serviram para dar mais fôlego ao time.

Valdívia, Jairinho e Bruno César mantiveram ao plano do Vasco de buscar a todo custo os primeiros três pontos no Brasileirão, enquanto o Corinthians parecia satisfeito com o empate, especulando apenas os contra-ataques.

Assim, sem grande inspiração de lado a lado, o placar não foi mais alterado. E o apito final acabou por frustrar a todos, tanto dentro quanto fora de campo.

Se o desgaste físico e o grande problema acusado pelo Corinthians, agora o time terá uma semana livre pela frente. O próximo desafio é o Grêmio, sábado, em Itaquera. O Vasco, que conseguiu seu primeiro ponto na competição, reeditará o confronto com o Santos, no Pacaembu, no dia seguinte. Os alvinegros se enfrentaram recentemente pela Copa do Brasil, e deu Peixe.

FICHA TÉCNICA
VASCO 1 X 1 CORINTHIANS

Local: Arena da Amazônia, em Manaus (AM)
Data: 4 de maio de 2019 (Sábado)
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo D’alonso Ferreira (SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa-SC) e Carlos Berkenbrock (SC)
Cartões amarelos: Raul, Claudio Winck (VAS)
Público: 23.954 pagantes / 25.779 total
Renda: R$ 1.707.770,00

GOLS:
Vasco: Maxi López, aos 38 minutos do 1T
Corinthians: Mateus Vital, aos 16 minutos do 1T

VASCO: Sidão; Claudio Winck, Ricardo, Luiz Gustavo e Danilo Barcelos; Raul, Lucas Mineiro, Yan Sasse (Jairinho) e Yago Pikachu (Bruno César); Maxi López e Rossi (Valdivia).
Técnico: Marcos Valadares

CORINTHIANS: Cássio, Michel, Marllon, Pedro Henrique e Carlos; Ralf e Richard (Ramiro); André Luís (Clayson), Jadson e Mateus Vital; Vagner Love
Técnico: Fábio Carille

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo