Blog

Contrato de Pato com o São Paulo tem multa rescisória astronômica; confira

Após longas semanas de tratativas, com direito a inúmeras idas e vindas, ​o São Paulo sacramentou a contratação de Alexandre Pato. A negociação passou longe de ser simples e exigiu enorme jogo de cintura de diretoria e comissão técnica tricolores, já que o centroavante tinha outras propostas em mãos, todas mais vantajosas financeiramente.

Diante do desafio que foi confirmar a vinda do camisa 9 em um acordo de longa duração – fechou por quatro temporadas, até 2022 -, os dirigentes do ​São Paulo se anteciparam e blindaram Alexandre Pato de possíveis assédios estrangeiros futuros. 

Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

De acordo com o ​UOL Esportes, a via encontrada para proteger o centroavante foi uma multa rescisória nas alturas, condição aceita pelo próprio atleta e seu estafe: 25 milhões de euros para clubes do exterior, algo em torno de R$ 110 milhões na cotação atual. Para se ter uma ideia, o jovem David Neres deixou o Morumbi rumo ao Ajax por metade deste valor. A multa para clubes brasileiros também beira os R$ 100 milhões.

Esta blindagem evidencia o projeto do clube para o camisa 9, contratado para ser influência positiva e liderança do elenco junto a Hernanes e Pablo, ​trinca que dividirá protagonismo com os garotos em ascensão. Ao todo, estima-se que o São Paulo pagará cerca de R$ 36 milhões para Pato ao longo de quatro temporadas, incluindo luvas e salários.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo