Blog

Confira as notas da vitória de virada do Vasco sobre o Boavista na Taça Rio O Dia

MARTÍN SILVA: Vinha sendo pouco exigido, mas levou um frangaço e cometeu sua maior falha desde que chegou ao Vasco. NOTA 4

YAGO PIKACHU: Sem ter a quem marcar, foi com frequência ao ataque e fez o primeiro gol, embora pudesse ter sido mais efetivo nos cruzamentos. NOTA 5

PAULÃO: Cochilou no segundo gol do Boavista. NOTA 4,5

ERAZO: Desatento, cometeu erros e foi mal no combate direto. mas livrou o Vasco da derrota ao fazer o quarto gol. NOTA 5,5

HENRIQUE: Sem trabalho na defesa, pouco criou no apoio ao ataque. NOTA 4,5

DESÁBATO: Atuação apagada. Limitou-se à marcação, nem sempre efetiva. NOTA 4,5

WELLINGTON: Apostou na correria, mas cometeu muitos erros de passe. Sonolento. NOTA 5

RILDO: Entrou e melhorou o time. NOTA 5,5

WAGNER: Lutou muito e marcou o terceiro gol. NOTA 6

EVANDER: Lutou, mas foi pouco efetivo. NOTA 5

THIAGO GALHARDO: Entrou e fez o segundo gol do Vasco. NOTA 5,5

PAULINHO: Muita correria, mas não repetiu as boas atuações de outros jogos. NOTA 5

RIASCOS: Entrou e correu muito. Sem objetividade. NOTA 5

ANDRÉS RÍOS: Figura praticamente nula em campo. NOTA 4,5

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo