Blog

Com bom humor, presidente do Vasco relata descobrimento de dívida inesperada O Dia

Rio – Vivendo um momento difícil nas finanças, o Vasco se vira como pode para montar o elenco para a disputa da temporada. Paulinho, a principal revelação do clube, de apenas 17 anos está de malas prontas para o futebol alemão. A situação é tão complicada, que o Cruzmaltino acaba se deparando com dívidas que até mesmo a gestão desconhecia.

No Twitter, o presidente do Vasco, Alexandre Campello, relatou com bom humor um episódio, no mínimo, curioso: ao ir à Ferj para buscar a premiação de R$ 1,5 milhão pelo segundo lugar no  Carioca, descobriu uma dívida da gestão anterior com a federação de R$ 6 milhões. 

“Fui na Ferj pegar a premiação pela segunda colocação no Carioca, R$1,5 milhão, chegando lá o Rubens (Lopes, presidente) disse que o dinheiro ficou retido porque o clube tinha uma dívida de R$6 milhões. Resumo: Fui pegar 1, voltei devendo 5 milhões. Era melhor nem ter ido (risos)”, brincou.

O Vasco vive dificuldades financeiras e tem dívidas com o elenco e funcionários desde o ano passado. Em seus primeiros meses como presidente, Campello já precisou lidar com dívidas da Light e da Cedae. A venda de Paulinho ao Bayer Leverkusen, da Alemanha, será realizada por 20 milhões de euros (cerca de R$ 85 milhões). O Vasco tem direito a 65% do valor.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo