Blog

Alberto Valentim vê grupo vascaíno preparado para pressão

O técnico Alberto Valentim se confessou satisfeito com a capacidade de reação da equipe do Vasco na partida diante do Internacional e garantiu que o grupo está preparado para a pressão que vai enfrentar até o final do Campeonato Brasileiro.

Na entrevista coletiva, o treinador cruz-maltino explicou que armou um time mais ofensivo, sacrificando o volante argentino Desábato para colocar o meia Marrony, que tem características mais ofensivas e dá mais velocidade às jogadas de ataque. Valentim disse que tirou Fabrício porque precisava de mais movimentação nas ações de meio campo e optou por Thiago Galhardo, que, segundo o técnico, vem treinando muito bem.

Para o clássico da próxima rodada diante do Fluminense, Alberto Valentim disse que vai esperar o relatório da comissão técnica sobre a condição física dos jogadores para saber com quem poderá contar no clássico, jogo considerado muito importante pelo treinador. “O desenho tático e o time que entrará em campo, só vou pensar a partir de segunda-feira”, afirmou.

Valentim não contará com o atacante Maxi López, que vai cumprir suspensão por acúmulo de cartões amarelos, mas espera poder escalar o meia Raul e o lateral-direito Lennon, que devem ser liberados pelo departamento médico. “Quanto mais reforços, mais dor de cabeça eu tiver para escalar, melhor será para o Vasco”, declarou.

O meia Fabrício explicou sua revolta quando foi substituído e garantiu que saiu chateado com ele mesmo. O jogador disse que seria louco se ficasse aborrecido com Valentim, que lhe deu uma oportunidade quando o jogador se sentia abandonado no clube, após a polêmica da foto.

O capitão Ramon contou que Fabricio pediu desculpas ao grupo pela reação e disse que estava de cabeça quente. “Tem sido muito difícil para ele. Fabrício tem muito crédito com a gente”, afirmou.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo