Blog

7 jogadores que foram obrigados a se aposentar antes dos 30 anos

Que a carreira de um jogador de futebol é curta todos sabemos. Em um piscar de olhos, vemos grandes estrelas pendurando as chuteiras ou caindo demasiadamente de rendimento. Contudo, muitas vezes os atletas são obrigados a deixar os gramados precocemente, seja por lesões, por doenças ou por alguma outro motivo extra-campo. Para relembrar alguns desses nomes, nós do ​90min listamos abaixo 7 jogadores que foram obrigado a se aposentar antes dos 30 anos. Confiram!


Sebastian Deisler

Era considerado uma das principais promessas da seleção alemã. Porém acabou sofrendo com muitas lesões, o que afetou muito seu psicológico e o levou à depressão. Após cinco cirurgias no joelho e tratamento psiquiátrico, o atleta ex-Bayern de Munique resolveu pendurar as chuteiras aos 27 anos.


Just Fontaine

SOCCER-WORLD CUP-1958-FRANCE-WEST GERMANY-JUST FONTAINE

O artilheiro do mundial de 58 (com 13 gols) também teve que se retirar dos gramados mais cedo. Sua promissora carreira terminou quando sofreu uma grave fratura na perna, da qual nunca conseguiu se recuperar por completo. Acabou deixando o futebol aos 28 anos.


Ryan Mason

Ryan Mason,Henrikh Mkhitaryan

Após um choque de cabeça com zagueiro Gary Cahill, do Chelsea, o ex-Tottenham e seleção inglesa sofreu uma fratura craniana. Após um ano de recuperação, até voltou a treinar, porém foi aconselhado por médicos e especialistas a não seguir a carreira. Pendurou as chuteiras aos 26 anos.


Hidetoshi Nakata

Parma's Japanese midfielder Hidetoshi Na

Diferentemente dos casos anteriores, o maior jogador da história do Japão não foi obrigado a deixar os gramados. O atleta, aos 29 anos, decidiu seguir um caminho diferente do esporte quando disse que já não tinha mais a vontade de jogar como antes. Seu último clube foi o Bolton, da Inglaterra.


Tostão

Tostao

Tostão foi um grande jogador brasileiro, campeão da Copa do Mundo de 1970, e ídolo do ​Cruzeiro. Infelizmente, teve que anunciar sua aposentadoria aos 26 anos devido a um descolamento de retina sofrido em 1969.


Rubén De La Red​

Paul Scholes,Ruben De La Red

Considerado uma das grandes promessas do Real Madrid, Rubén De La Red levantou dois troféus pelos Merengues e participou da seleção espanhola vencedora da Eurocopa de 2008. Porém teve que abandonar o futebol aos 25 anos devido a doenças cardíacas. Em 2008, um desbotamento causado por uma síncope foi o começo do fim.


Everton Costa

Everton Costa,Wagner

Everton Costa (na foto acima com a camisa do Coxa) teve que deixar o futebol aos 28 anos devido a problemas cardíacos. O brasileiro ex-Coritiba, ​Vasco, dentre outros, estava afastado dos gramados desde abril de 2014 devido a uma arritmia cardíaca. Segundo seu empresário, ele teve Doença de Chagas encoberta quando ele atuava pelo ​Santos. Anunciou sua aposentadoria em 2015, quando tinha contrato com a equipe de São Januário.

Todos os Créditos

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vasco vence e complica o Cruzeiro; veja coletiva de Vanderlei Luxemburgo